História sobre as palavras mágicas

^359F8C3A3C2FF73CB1850973DE5CD3018B0E548A3371C24B79^pimgpsh_fullsize_distr.png

Você já pensou sobre o poder mágico de várias palavras? Quero dizer, todos esses "obrigados", "bom dias", "desculpes", "por favor”. Que tipo de magia eles têm? Decidi realizar um experimento para ver o que acontece quando evitamos usá-los. Tudo começou quando saí para um passeio. Quando vi a Ursa, não disse “oi” e fingi que nem a conhecia. Trombei com os porcos espinhos e não me desculpei. O Coelho me deu uma cenoura. Peguei e não disse “obrigado”. E, à noite, cheguei na casa do Urso e pedi-lhe que me fizesse mingau sem pedir“por favor”. Ele me olhou de uma maneira estranha, mas ainda me preparou o jantar. Assim que peguei a colher para comer o mingau, ouvimos uma batida forte na porta. Havia muitos moradores da floresta que ofendi naquele dia. Eles vieram reclamar de mim para o Urso. Mais tarde, expliquei ao Urso que tudo era um experimento. E, aliás, cheguei à conclusão de que as palavras especiais têm muito poder. Elas podem transformar qualquer criança ou adulto em uma pessoa educada e civilizada. Então, queridos, não se esqueçam dessas palavras mágicas e diga-as o mais frequentemente possível para todos que você encontrar.

Retornar às notícias